Por G1


Cidade está com o fornecimento de água prejudicado desde o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho; prefeitura disse que estiagem também é um dos fatores para o desabastecimento.

A Prefeitura de Paraopeba, na Região Central de Minas Gerais, decretou estado de alerta na cidade nesta terça-feira (3) por desabastecimento de água.

A cidade enfrenta uma crise hídrica desde o rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, em janeiro de 2019. A lama que vazou da mina Córrego do Feijão atingiu o Rio Paraopeba, que abastece a cidade.

No decreto, o prefeito Juca Bahia (PSDB) lista vários fatores que estão associados à falta de água na cidade, como o rompimento da barragem e a suspensão da captação de água do Rio Paraopeba, a perfuração de poços artesianos e a construção de captações em córregos da região feita pela mineradora Vale, e a estiagem.

Matéria na integra e vídeo no G1